TRE/AM aprova envio de tropas para reforçar segurança durante eleições

A pedido do presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE/AM), Flávio Pascarelli, e do governador Omar Aziz, a Polícia Militar inicia o reforço policial para as eleições deste ano em alguns municípios distantes do interior do Estado, como Boca do Acre, Tabatinga e São Gabriel da Cachoeira.

De acordo com o titular do Comando de Policiamento do Interior (CPI), tenente coronel Rommel Paulo Pereira, a PM aumentará o contingente para o reforço na segurança das eleições definido em 830 integrantes. O comandante também disse que em alguns municípios haverá a presença de tropas federais.

A reunião entre Pascarelli e Omar Aziz foi realizada na manhã de quarta-feira (19) na casa do governador. Segundo o presidente do TRE/AM, o encontro foi motivado por relatos de insegurança nos municípios do interior, como em Nhamundá, a 383km de Manaus, onde a juíza e a promotora eleitorais, Vanessa Leite Mota e Elizandra Leite Guedes, abandonaram a cidade no fim do mês passado por falta de segurança.

A juíza de Nhamundá alegou ao órgão que já teve a casa invadida duas vezes e a promotora destacou que foi abordada por mais de 200 componentes de uma agremiação política após a prisão de um integrante do grupo, no último dia 30 de agosto. Para Pascarelli, que percorreu algumas cidades do interior neste período eleitoral, o clima é de animosidade. “Nos municípios do interior os eleitores não possuem candidatos. Eles têm lados”, afirmou.

Durante a primeira reunião realizada no TRE/AM para discutir a segurança nas eleições, a PM havia definido um contingente de 830 policiais para 44 cidades do Amazonas, 30 dias antes do período eleitoral. Nesta quarta, o presidente do órgão afirmou que a polícia irá fazer uma redistribuição do efetivo e que os policiais deverão chegar no interior 15 antes do início das eleições. Segundo ele, em pleitos anteriores o reforço na segurança era enviado apenas três dias antes da votação.

A Polícia Federal (PF) também irá contribuir com o reforço na segurança, disponibilizando equipes para dez municípios do interior, que serão selecionados pelo TRE, de acordo com a necessidade. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já aprovou o envio de forças do Exército para 29 municípios do Amazonas. Mas, ainda faltam ser julgados os pedidos feitos por Juruá, Apuí, Eirunepé, Borba e Anori. O órgão definiu ainda o envio de tropas da Marinha para cinco cidades, entre elas Manaus. Os outros município são Tefé, Parintins, Itacoatiara e Boca do Acre.

fonte: G1

Anúncios
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: